terça-feira, julho 31, 2007

E ainda...

Recebi agora duas fotos que encomendei ao fotógrafo do casamento do Telmo e da Tiaga.
Como acho que estão bem giras (e bem giros...) aqui ficam, mais um bónus que é simultaneamente um requerimento à Margarida:

Se clicares na imagem vê-la aumentada (a imagem, claro)
Estávamos tão lindos que até parecíamos um coro!


Se clicares na imagem vê-la aumentada (a imagem, claro)
O santo sacrifício da saída


Se clicares na imagem vê-la aumentada (a imagem, claro)
Margarida, por favor instala um elevador lá no teu prédio!

domingo, julho 29, 2007

Temos negócio à vista!

Estive ontem na praia de Quiaios com a família Concertinas.
O Pedro ainda estava na ressaca da operação e a voz saía-lhe fanhosa. Parecia o Bob Dylan.
Já lhe disse que o ideal é que ele fique assim. Já imaginaram? Nas escadas de S. Tiago, só ele a cantar e o Rafaelitolindo a tocar bombo?
A malta toda vai ter tanto dó daquele Duo Surdo & Fanhoso que vão chover euros em moedas, notas e até cartões de crédito, acções do Benfica e títulos de dívida pública!
Eu só punha lá o João Marcelino a aplicar rotativos aos corações gelados que passassem sem prestar tributo.
Vamos ficar ricos!
____________________
A Luisa teve melhor ideia: incorporar outro de nós nesse grupo (adivinhem quem), para ficar o Trio Surdo, Perneta & Fanhoso.
O céu é o limite!

sexta-feira, julho 27, 2007

Mensagem do Diabanjo para o OrCa


Diabanjo do Auto «das Danações»

Julgo que vale a pena transcrever aqui o comentário do Diabanjo feito neste post do Sete Mares, do OrCa:
"DIABANJO que no Auto das Danações, à porta do Purgatório, não foi sensível a nenhum dos esfarrapados argumentos suplicados pelos tolos, pelos mais tolos ainda e pelos menos tolos e mais acomodados e garbosamente introduzidos por um GIL VICENTESÃO que, com algum esforço, lá se ia aguentando sogre dois delgaditos ossitos e enfiado nuns coloridos calções, não suficientes para guardar um apêndice sexual desmedido, saúda o amigo ORCA pelo texto escrito sobre a brilhante (?) interpretação, na apresentação do AUTO DAS DANAÇÕES, na Quinta do Panasco-Caria!
Um dia, muito, muito longínquo, quando o DARFUR passar a DARFOI, o IRAQUE se volatilizar como um simples traque, o BURACO DO OZONO passar a BURACO de BOAZONA... lá estarei na mesma porta do purgatório para finalmente, de forquilha em baixo, cornichos mais retorcidos, apontando finalmente, depois dos argumentos favoráveis, com elogios à mistura, dados pelo GIL VICENTESÃO sobre o autor do AUTO DAS DANAÇÕES, indicar, impotente para contrariar tão convincente argumentação em defesa do dito (ORCA) a PORTA DO CÉU!
Os Anjos cantarão ALELUIA! ALELUIA!
Um abraço!
Rafaelitolindo
(Diabanjo)"

quinta-feira, julho 26, 2007

A Stª Luzia já não enjoa!

De tão "desolhada" esta Santa já não enjoa...
...ou será desta versão "apianada",quiçá (tinha saudades de quiçá) para o Andanças?
- E eu que só queria ouvir "para que quero eu olhos"... ( na verSÃO de só estorvam)...

segunda-feira, julho 23, 2007

domingo, julho 22, 2007

Já ando a treinar para o Andanças!

Tal pai, tal filha?

Para concluir ainda melhor o dia dos Alfacinhas da FNAC, o "Coiso" foi reforçado por uma Beatrizrebimbòmalhista,sob protecção da "Varina-do-Auto", ex-deusa Príapo...
...qual cegonha-mãe (esta nada e criada no Quarteirão das Artes), e não mãe-cegonha
...e sob forte escolta paternal,
...serenamente (como o Paitunino) rebimbou, e bem, já com o Mestrado!

sábado, julho 21, 2007

Malta, fomos enganados!


Cliquem na imagem para lerem a notícia do suplemento
«Olá Gente» do diário «as Beiras» de ontem.

1) Agora percebo que os Vozes da Rádio não soubessem que pito é uma grande asneira (e que se for pito é uma pequena asneira). Eles são alfacinhas!
2) Afinal, na FNAC não houve espiritual...

sexta-feira, julho 20, 2007

E agora, PM?

Ainda estou como a Sãozita da Foto: espapaçado com tantas Vozes (algumas de "Bicicleta"), outras com "Tri-Margaridas"
...nem sequer me atrevo a tocar nesta senhora viola!Obrigado Sr Moura à "persuac_SÃO das Vozes".
Também será justo referir o contributo do final do dia, no "Quarteirão das Artes" de Montemor...(pito, disto, se cara... se calhar não se pode falar...) com a estreia brilhante da Beatrizrebimbómalhista ( e tenho foto).

segunda-feira, julho 16, 2007

Ontem esteve um lindo dia!...

Já vos dissemos que tivemos o luxo de almoçar ontem com os Vozes da Rádio, além de assistirmos a um espectacular espectáculo (sim, sim, eles merecem a redundância) deles na FNAC de Coimbra?

Quando se trata de comer leitão acompanhado a espumante a Tuna Meliches aparece sempre em peso. Se fosse um ensaio... ui, ui...


Clica que aumenta
Os Vozes da Rádio apareceram à hora marcada. Os Aguieiros e os Oliveirazemenses foram iguais a si próprios e quase apareceram à hora de jantar.


Clica que aumenta
A São Rosas ofereceu aos nossos Amigos da Rádio umas t-shirts «amo-te São». O Jorge Prendas não se fez rogado e presenteou-nos a todos com um strip-tease por amor à camisola. Quem quiser fotos do strip terá que pagar muito bem (e mesmo assim não mostro).


Clica que aumenta
O Miúdo revelou-se um jêntlemã (cavalheiro em americano). Comeu o tofu e o seitan como se fossem umas costelinhas de leitão... e ainda elogiou as gomas...


Clica que aumenta
... enquanto o proveito era para outros.


Clica que aumenta
No final do almoço, o Rafaelitolindo vestiu o seu traje de Margarida, para lhe cantarmos a versão Tuna Melichense da canção «Margarida», dos Vozes da Rádio.


Clica que aumenta
O Rafaelitolindo não poderia ficar atrás do Jorge Prendas e fez também um strip (mas neste caso nem precisam de pagar que eu «amostro grátes»).


Clica que aumenta
A Joana e a Mariana enquanto cantavam o «Carteiro em Bicicleta», do João Afonso. Houve um gajo que se babou tanto...


Clica que aumenta
Chegados à FNAC, ficámos na linha da frente.


Clica que aumenta
Enquanto os Vozes da Rádio não começavam, passávamos o tempo a fazer a digestão do leitão. O Rafaelitolindo portou-se muito bem, não tendo havido ventanias de Salamanca.


Clica que aumenta
E até foi fazer a primeira parte do concerto dos Vozes da Rádio. Mas não cantou nada, porque não chegou ao microfone...


Clica que aumenta
... que era o do Miúdo, pelo que se propõe que lhe mudem o nome (ou então o Rafaelitolindo tem que mudar de nome para Rafaelcubaixo).


Clica que aumenta
Desde que os Vozes da Rádio começaram a sua actuação...


Clica que aumenta
... a malta que assistia ficou deliciada. O Pedro Concertinas, então, nem fechou a boca até ao fim. Até estranhei, não sendo os VdR uma girls band.


Clica que aumenta
Quando eles mostraram o seu swing, as miúdas e graúdas da sala entraram em histeria (OK, é uma hipérbole, mas apeteceu-me e achei que aqui ficava bem).


Clica que aumenta
Para mim esta é a foto mai'linda do dia. O Miúdo tinha acabado de fazer um cafuné ao Jorge Prendas... e ele afastou-se. Aqui o cabelo-manjerico foi apanhado em deslocação. E, sim, o Tomi parece estar por trás de uma oliveira.


Clica que aumenta
Não sei o que diga...


Clica que aumenta
... e o Vilhas até se escondeu por trás de um adufe'destes, tal era a vergonha.


Clica que aumenta
Pudera. Com a pedalada do Joca, nem estando na outra ponta do palco o Vilhas se safa.


Clica que aumenta
E não é que mostraram as t-shirts d'«a funda São» que a São Rosas lhes ofereceu?


Clica que aumenta
E nem ficou por aí...


Clica que aumenta
... porque uma das canções (já nem me lembro qual) teve direito a mostrarem o que pensam da São Rosas em particular...


Clica que aumenta
... e do sexo em geral.


Clica que aumenta
A malta embasbacada...


Clica que aumenta
... com a qualidade do momento que estávamos a ter o privilégio de assistir.


Clica que aumenta
As meninas ficaram claramente mais entusiasmadas com o charme destes moçoilos...


Clica que aumenta
... sendo que a São Rosas, como já declarou lá no blog dela, estava toda ensopadinha.


Clica que aumenta
Tivemos direito a um espiritual, negro!


Clica que aumenta
Com o Tomi a abençoar a troco de uns dízimos chorudos a malta da assistência.


Clica que aumenta
Também cantou o Fado da Mariquinhas, que teve um final inesperadamente feliz (para ele).


Clica que aumenta
Antes do regresso a casa, lá estiveram a autografar uns CDs...


Clica que aumenta
... e despedimo-nos, desejando uma óptima viagem de regresso a suas casas...


Clica que aumenta
... e agradecendo-lhes pelos momentos extraordinários que (con)vivemos neste dia.


Bem hajam, amigos!

No CD «Sete e Pico Oito e Coisa Nove Tal», que é um excelente disco, não desfazendo, o conjunto António Mafra diz tudo nuns versos da «Barraca do Luís», cantado pelos Vozes da Rádio e pelo Sérgio Godinho:
"Coisa assim, aos nossos olhos
Ano a ano é que aparece
Há festas na nossa vida
Que a gente jamais esquece
Mas merece"