sexta-feira, abril 01, 2011

Assim já as pessoas podem compreender como se "entendiam" as nossas filhas

Eu e a Luísa sempre tivemos dificuldade em explicar aos nossos amigos e familiares o que constatámos com as nossas filhas (gémeas verdadeiras): a Joana e a Mariana, mesmo antes de começarem a falar, "entendiam-se" entre elas desde muito cedo com uma "linguagem" própria, em que a sonoridade parecia a "música de uma conversa entre adultos" mas sem nada que se pudesse entender. E era evidente para nós que elas se compreendiam reciprocamente através desses sons.
Aliás, também constatámos, anos mais tarde, que ambas desenvolveram tardiamente a sua capacidade de comunicação verbal com "os outros" (pais incluídos). E verificámos que isso se devia ao facto de elas sentirem menos necessidade de se fazerem entender (entra elas bastava-lhes).
Agora, que estes videos são um sucesso na internet (mais de 8 milhões de visitas!), é mais fácil explicar-vos o que se passava em nossa casa. Como eu e a Luísa dissemos ontem à noite às nossas filhas, enquanto víamos os videos:
- Vocês eram assim. Tal e qual!



10 comentários:

  1. E eu já disse que não me lembrava de alguma vez ter este tipo de conversas interessantes com a Joana. :) ahah

    ResponderEliminar
  2. E de a tua irmã, até aos seus 10 anos ou mais, sempre que queria alguma coisa, apontar e só emitir uns sons esquisitos?

    (gosto da tua imagem aqui no Blogger)

    ResponderEliminar
  3. Está demais! E então ao vivo é que deve ser giro! É como ter 2 pequenos "marcianos" em casa! lol

    ResponderEliminar
  4. Paulo Moura1/4/11 18:14

    Pois era. E o desafio de tentar entender o que queriam dizer...

    ResponderEliminar
  5. Se "no meu tempo" houvesse YouTube seriam a Joana e a Mariana que estavam "ali".

    ResponderEliminar
  6. Parabéns, pai babado!
    Duas meninas lindas,duas vozes lindas, perdão, três...
    Que quarteto tão afinadinho!

    ResponderEliminar
  7. Paulo Moura2/4/11 23:13

    Quarteto, cachopa?! Eu, se canto, até eu próprio fujo!
    ihihihihih

    ResponderEliminar
  8. Pois, pois, até se sentavam a tagarelar na porta do fogão!
    Mas olha, agora descodificaram o vocabulário e, não só falam, como cantam e encantam!

    ResponderEliminar
  9. Mas vão ter que cantar e encantar muito para eu me esquecer do fogão que tive de comprar por terem partido as molas da porta do forno...

    ResponderEliminar

Tuna Tecales!